Finger Foods – As pequenas grandes estrelas dos casamentos

Créditos das fotos:Buffet França

Elas chegaram tímidas, mas conquistaram muitos candidatos ao altar! Saiba tudo sobre o buffet de finger foods e descubra se vale a pena investir nesse tipo de serviço no dia de seu casamento.

Conhecido nacionalmente como um dos principais buffets do país, o tradicional França, com sede em São Paulo/SP, tem visto uma tendência aumentar recentemente: o chamado serviço de ‘finger foods’, um estilo de Buffet. Mas, o que seria isso? “Finger food nada mais é que do que itens gastronômicos servidos de forma minimalista e individualizada, geralmente fáceis de comer e ligados a cozinha contemporânea”, revela Leandro Oliveira, do França.

FingerFoods_06

Ele explica que, diferente do que se possa pensar, o cardápio finger food não se restringe a um determinado tipo de casamento – seja ele festão, mini wedding, em casa, no campo ou na fazenda qualquer pessoa pode contratar o serviço. “Um casamento ser ou não intimista envolve uma série de fatores que constituem o universo da festa, como decoração, local, horário, pratos, música. A refeição finger food só representa um item desse universo”, conta Oliveira.

FingerFoods_07

Para te ajudar a esclarecer melhor as vantagens e desvantagens de se contratar o serviço, listamos abaixo cinco pontos (respondidos por Oliveira) sobre essa nova ‘pequena e grande’ possibilidade para você considerar servir em seu casamento.

Gostei da proposta do finger food! Posso trocar o jantar principal por ele?
Os finger foods nunca podem substituir o jantar e, dessa forma, não devem ser encarados como prato principal. Um casamento precisa incluir diversas inserções gastronômicas, que podem ou não envolver finger foods. Neste sentindo, só há vantagens para os noivos! Não é legal durante o casamento só servir finger foods.

FingerFoods_04

O que servir, dentro do estilo finger food?
Itens que possam ser servidos em delicadas porcelanas como por exemplo, cubos de mignon ao molho thai com hortelã e gergelim.

FingerFoods_02

Servir refeições finger foods combina melhor com determinado horário do dia?
Não necessariamente, pois o que importa é o que está sendo servido, ou seja, qual item está sendo servido no estilo finger food. Há muitas composições que podem ser servidas neste estilo, o que deve ser observado é se a proposta gastronômica está de acordo com o perfil dos noivos e com o momento da festa.

Investir em refeições finger foods representa algum tipo de economia?
Só servir finger foods, embora mais econômico, significa, inexoravelmente, que a festa também sofrerá uma redução gastronômica, ao passo que se substituirá o jantar e/ou até mesmo a sobremesa, contrariando a forma que a boa mesa exige e o que se espera de um grande casamento.

FingerFoods_03

Um serviço de finger foods engloba sobremesa?
Não necessariamente, elas são mais direcionadas para o coquetel e os itens da madrugada.

FingerFoods_05

Salvo casamentos, quando investir num serviço de finger foods?
Apenas em casos de eventos corporativos e beneficentes ou serviços exclusivamente de coquetel. Em eventos sociais, o ideal é que haja serviço completo de coquetel, jantar, sobremesa, ceia e itens da madrugada, o que pode ou não incluir finger foods (tudo depende do perfil e da proposta desejada).